Saúde Sexual - Informações sobre sexo e sexualidade

Sadismo Sexual

Articles / Comportamento
Date: Aug 29, 2005 - 11:13 AM

Por Anne Griza
Psicóloga

O Sadismo Sexual é um dos Transtornos Sexuais do grupo das Parafilias. Consiste em sentir prazer sexual envolvendo fatos reais onde há uma vítima que sofre física ou psicologicamente. O indivíduo com este tipo de transtorno é perturbado por suas fantasias sádicas, porém, elas não atuam fora do âmbito sexual, isto é, ele não necessariamente precisa ser uma pessoa violenta socialmente. É importante lembrar que, assim como outros transtornos, o indivíduo sofre por causa de sua atividade sexual pouco típica.

Alguns sádicos fantasiam em situações em que a vítima está completamente sob o seu domínio, usando de força e coerção para assustá-la; outros, colocam suas fantasias sádicas em pessoas que sentem prazer em sentir dor e/ou humilhação e há um terceiro grupo que coloca em prática seus anseios sexuais sádicos com vítimas que não dão consentimento.

O que causa a excitação de quem sofre de Sadismo Sexual é o sofrimento da vítima, sendo que para obter esse sofrimento ele pode manter certo domínio sobre ela, como nos casos em que a vítima é amarrada, enjaulada ou forçada a rastejar, ou ainda, o sádico pode amarrar, humilhar, bater, prender a vítima, entre outras formas de gerar pânico. Existem casos de mutilação e morte das vítimas causadas por indivíduos portadores deste transtorno.

O Sadismo Sexual geralmente é crônico. As fantasias sexuais sádicas normalmente estão presentes desde a infância, mas as atividades sexuais sádicas tendem a se manifestar no início da idade adulta. É considerado transtorno quando a pessoa não consegue manter outro tipo de relação sexual a não ser a que envolva as atividades sádicas.

Quem pratica atos sádicos sem o consentimento do parceiro normalmente repete esta atividade até ser preso. Alguns indivíduos mantêm um potencial de violência que não necessariamente aumenta com o tempo e não colocam o parceiro em risco de sofrer sérios danos físicos. A maioria, porém, vai aumentando gradativamente a gravidade de seus atos sádicos, podendo levar suas vítimas à morte.

Cabe lembrar que o Sadismo Sexual é diferente do Boundage. No primeiro, a pessoa sofre por suas fantasias pouco comuns e não consegue fantasiar o ato sexual de outra forma, enquanto no segundo, a pessoa faz algo diferente na cama e pode normalmente ter uma relação sexual satisfatória sem o uso do sadismo. Também é importante lembrar que sentir vontade de dar uma palmada ou de amarrar o parceiro em algum momento da vida sexual não pode ser considerado Sadismo Sexual. É normal e parte da curiosidade do ser humano acerca do sexo e da sexualidade.

Por fim, quem sofre de Sadismo Sexual não tem controle sobre suas fantasias, apesar de poder ser preso e julgado quando comete algum estupro ou assassinato. É considerado crime, mas nem todo sádico é um criminoso sexual, sendo muitos assassinatos e estupros cometidos por pessoas ditas "normais".




This article comes from Saúde Sexual - Informações sobre sexo e sexualidade
http://saudesexual.com/

The URL for this story is:
http://saudesexual.com/modules.php?op=modload&name=News&file=article&sid=64