Saúde Sexual - Informações sobre sexo e sexualidade

Quando Ela Diz: "Precisamos Conversar"

Articles / Relacionamento
Date: Dec 16, 2005 - 06:05 AM

Por Jonatas Dornelles
Antropólogo

Apesar de ambos os sexos se beneficiarem do relacionamento sexual, as mulheres ficam mais contrariadas e deprimidas quando ele não dá certo. Considerando a importância que a mulher assumiu no mundo contemporâneo, é importante para a família e para a sociedade que as suas mulheres se sintam felizes.



Isso implica dizer que os homens também se sentirão felizes. No entanto, deve-se admitir que algumas mulheres parecem estar mais felizes quando estão desafiando e irritando os homens.

Isso não é o mesmo que a queixa freqüente entre as mulheres de que seus maridos não querem conversar e "discutir a relação". O problema para muitos homens é quando suas namoradas ou esposas chegam e dizem: "precisamos conversar". O que fazer nessa hora? O que significa essa expressão mundialmente repetida?

Significa que uma série de dúvidas ou de mal-entendidos apareceram e estão magoando os sentimentos dela. Ela quer resolver essas coisas e descarregar toda a sua emoção negativa ao mesmo tempo. É possível também que ela queira chamar a atenção para algum problema para o qual gostaria de um pouco de ajuda.

Ocasionalmente, uma mulher pode dar vazão a fantasias de masoquismo. Ela provoca seu companheiro até que ele fique muito furioso, na esperança de que o resultado seja um atrito ou uma relação sexual forte. Nesse caso, elas sabem perfeitamente bem que são responsáveis pelo que aconteceu.

Obviamente, não podemos misturar duas situações completamente diferentes: o casal que se dá bem entre atritos e aquele no qual o homem, covardemente, agride repetidamente a mulher. E ela, muitas vezes dependente financeiramente dele, precisa ficar em silêncio.

Quando uma mulher fica magoada, quase sempre o motivo revelado vem a ser o fato de estar se sentindo menosprezada de alguma forma. Apesar de ser muito fácil rotulá-la de histérica, ela está seriamente abalada e o assunto deveria ser tratado com atenção. Os homens podem sentir exatamente a mesma coisa, com a única diferença de que eles não mostram esses sentimentos.

Em alguns círculos de aconselhamento matrimonial tornou-se moda aconselhar a separação quando existem dificuldades dentro de um relacionamento. Existe "no ar" uma idéia de que a melhor coisa que se pode fazer com um mau relacionamento é terminá-lo. Poucos esforços são feitos para salvar o casamento ou namoro.
Em muitas dessas uniões, os parceiros têm diferenças de opiniões apenas em relação a motivos triviais, que são muito exagerados. A melhor atitude seria compreender as diferenças. A sociedade agiria melhor se enfatizasse o casamento em idade mais madura e não a separação precoce.

Quando o homem ouve as palavras "precisamos conversar", um sinal de alerta deve ser acionado. O primeiro passo é diagnosticar a situação: há um problema no relacionamento. O segundo passo é dimensionar o problema: pode ser que a esposa, ou namorada, esteja passando por um momento de insegurança. Mas também pode ser um sério problema na relação. O terceiro passo é colocar em prática a solução: nada de nervosismo ou histeria, o melhor é conversar e tentar compreender a parceira.




This article comes from Saúde Sexual - Informações sobre sexo e sexualidade
http://saudesexual.com/

The URL for this story is:
http://saudesexual.com/modules.php?op=modload&name=News&file=article&sid=77